BUMBA MEU BOI DE DONA LAURINHA LEVA ALEGRIA E CULTURA PARA AS RUAS DE DÁRIO MEIRA

Nesta última quinta feita (04), o grupo Bumba Meu de Dona Laurinha realizou uma belíssima apresentação pelas as ruas cidade Com uma atuação fantástica por parte dos Rezeiros e do encantado Bumba Meu Boi.
A festa foi organizada pelos integrantes do grupo, que tem muitos anos de tradição na cidade.
Crianças, jovens e adultos dançaram e cantaram as lindas toadas, interagindo com o público presente.
A apresentação foi executada de forma excelente, um sucesso, conforme relato dos envolvidos, felizes por ver seu Boi sendo reconhecido por toda a região.
Enriquecendo o folclore Dariomeirense, Parabéns ao nosso amigo de Nilton e FAMÍLIA, Mantendo viva a história de Dona Laurinha.
Este ano promete uma Cultura cheia de realizações
Dário Meira Inovada, nosso POVO, nossa CULTURA!

ORIGEM HISTÓRICA:

O Bumba Meu Boi é uma das festas folclóricas mais tradicionais do Brasil. Nessa encenação, semelhante a um auto, misturam-se danças, músicas, teatro e circo. Em cada parte do país, o boi tem um nome diferente: Boi-Bumbá, no Amazonas e no Pará; Bumba-meu-boi, no Maranhão; Boi Calemba, no Rio Grande do Norte; Cavalo-Marinho, na Paraíba; Bumba de reis ou Reis de boi, no Espírito Santo; Boi Pintadinho, no Rio de Janeiro; Boi de mamão, em Santa Catarina e boizinho no Rio Grande do Sul.
Pesquisadores acreditam que o festejo teve origem no nordeste no século XVII, durante o Ciclo do Gado, quando o boi tinha grande importância simbólica e econômica. Na época, o animal era criado por colonizadores que faziam uso de mão de obra escrava. A lenda na qual se baseia o Bumba-meu-boi reflete bem essa organização social e econômica.

Curiosidades do Bumba Meu Boi
Por ser uma festa de origem negra, o Bumba-meu-boi já sofreu perseguição das elites nordestinas e também da polícia, chegando a ser proibido de 1861 a 1868.

BUMBA MEU BOI DE DONA LAURINHA LEVA ALEGRIA E CULTURA PARA AS RUAS DE DÁRIO MEIRANesta última quinta feita (04), o…

Posted by Diário Meira on Friday, January 5, 2018

Pesquisa: Redação Diário Meira

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*